domingo, 4 de janeiro de 2015

Segredos da madrugada - o fim


[...] Foi tudo tão rápido. Estava entorpecida em meus pensamentos imaginando o que aquelas palavras significariam para você. Quando tudo aconteceu. De repente, eu estava envolta em seus braços. Nossos lábios entrelaçados. Minhas mãos em seu cabelo. Meu coração batia descompassado. Eu sentia sua respiração acelerar. Era uma sensação arrebatadora ter-te assim tão perto. Naquele momento nada mais importava. Finalmente estávamos juntos.

Srta. Rocha

Nenhum comentário:

Postar um comentário