sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

O amor


Um substantivo abstrato. Um sentimento controverso. Um estado de espírito que, muitas vezes, nos torna irracional. Mas qual seria a essência do amor? Muito já se falou. Muito já se escreveu. Contudo, a única forma de entendê-lo é sentindo-o. Porque o amor é diferente em cada pessoa. Não tem um padrão a seguir. Com o passar dos anos, percebemos como ele é mutável até mesmo para nós. O tempo me fez entender que amor é querer ver o outro feliz, mesmo que você não faça parte dessa felicidade. É deixá-lo livre para que se sinta em plenitude. É um sentimento de paz em meio ao caos.

Srta. Rocha

Nenhum comentário:

Postar um comentário